iTeacher 2.0

Olá a todos! Primeiramente, gostaria de dizer que é uma honra participar desse projeto da Richmond voltado para professores. Para meu texto de estreia, pensei em escrever um pouco sobre o que resolvi chamar de iTeacher. Não por considerar o professor mais um “i” gadget qualquer, mas por relacioná-lo a uma postura frente às constantes revoluções tecnológicas que vivemos.

Parece ser injusta a nossa luta contra as tecnologias disponíveis aos nossos alunos. Muitas de nossas salas de aula, ainda mal equipadas, não são atraentes aos nossos alunos que chegam carregando iPhones, iPads e outros tantos “iThings” na mochila. Embora algumas escolas estejam caminhando na direção da melhoria de seus laboratórios de tecnologia, o fato de não termos aparelhos ultramodernos em casa ou na escola não justifica não elaborarmos aulas ou atividades que contemplem gadgets ou apps que os próprios alunos trazem para a escola.

Pretendo passar algumas dicas para vocês aqui referentes a isso, sugestões de coisas que vocês podem fazer, aprimorar e aperfeiçoar. Antes de entrar nas linhas dos iThingermajiggers, pensei em algo mais fácil, usando o “computador”.

Facebook. É possível explorar essa ferramenta social de diversas maneiras (com a devida autorização da escola, claro). Nossos alunos já vivem online neste ambiente, por que não aproveitar para praticar inglês? Supondo que você já tenha um perfil nessa rede social, vamos a algumas dicas:

1)  Crie um grupo fechado da sua turma. Somente seus alunos podem acessá-lo. Você pode usar isso para dar recados e postar materiais, dicas e atividades extras.  Dá até para usar como plantão tira-dúvidas dos alunos! Até mesmos seus alunos podem ser “monitores” virtuais, auxiliando seus colegas.

2)  Faça atividades de writing. Diga aos seus alunos que irão escrever uma história cooperativamente. Inicie uma postagem com uma frase e os alunos devem segui-la, cada um, escrevendo algo que faça sentido com o que foi dito anteriormente. Eles têm que ser rápidos, já que podem estar escrevendo algo e de repente um outro colega postar antes!

3)  Faça postagens solicitando que os alunos façam resenhas de filmes, livros etc. E reforce que devem comentar e opinar sobre as escolhas dos seus colegas.

4)  A mesma ideia acima pode ser feita com temas mais atuais. Pegue uma notícia da internet, de sites como New York Times ou BBC. Faça a postagem e comece a discussão.

5)  Crie conteúdo junto com seus alunos, tornando o Facebook uma espécie de “wiki”: você pode distribuir conteúdos para os alunos e pedir que publiquem resumos dessas matérias para serem usadas como referências para as aulas.

6)  Produza com os alunos álbuns de fotos que sirvam como pictionaries, por exemplo: ações de Present Continuous, Phrasal Verbs, partes da casa etc. Eles mesmos devem tirar as fotos e criar as tags nos álbuns.

Bem, essas são algumas seeds. Há muito mais o que fazer e muito mais a explorar. Mas isso fica para as próxima postagens! Vamos aproveitar este espaço para trocar experiências! Comentem aqui no post e nos vemos na próxima! Grande abraço!

Fabiano Silveira

Fabiano Silveira é graduado em Letras Inglês e Mestre em Educação com ênfase em Estudos Culturais. Professor de Inglês do Curso de Letras e Secretariado Executivo Trilíngue da ULBRA e Coordenador do Instituto de Línguas da mesma universidade. Também atua como professor de inglês no Colégio Israelita Brasileiro e como tradutor freelancer para editoras e estúdios de histórias em quadrinhos. Contato: • profnerd@icloud.com • facebook.com/profnerd

3 Comments
  • Eduardo Trindade
    Posted at 18:45h, 13 janeiro Responder

    Grande Fabiano!! Saudades da época em que eu atendia vcs e tomávamos nosso café no Marista São Pedro, lembras? É um grande prazer termos você como um dos colunistas do Richmond Share. Tenho certeza que teus posts enriquecerão o conteúdo de nosso blog!! Em fevereiro nos falamos!! Grande abs!!

    • Fabiano Silveira
      Fabiano Silveira
      Posted at 18:53h, 13 janeiro Responder

      Meu amigão, lembro sim! Bons tempos! Pena que nossos cafés escassearam! Fico muito contente com o convite e o desafio de participar desse projeto! Obrigado por tudo, pelo apoio e pelo carinho! Grande abraço!

  • Evelin Souza
    Posted at 23:31h, 14 janeiro Responder

    What a gorgeous text, my dear friend!! Congratulations! And thank you for all the hints you’ve given us!!

Post A Comment